Irmãs de São José de Chambéry do Brasil e Bolívia
Fale Conosco
Mensagem do Conselho Provincial Para Irmã Josefa
27/06/2021

 

     Estimados D. Silvio Guterez Dutra, Pe. Elirio Guadagnin e Pe. René Zanandrea, queridas Irmãs, leigas/os do Pequeno Projeto, formandas, familiares e amigos que nos acompanham pelas redes sociais, a vocês, nossa gratidão pela presença de apoio e oração.

 

Como família das Irmãs de São José de Chambéry, acolhemos com alegria a Consagração de Ir. Josefa Pereira da Silva. Parabenizamos pela sua decisão rezada, discernida e amadurecida em nossa congregação, desde seus primeiros passos vocacionais, durante seu processo formativo e, hoje, professando publicamente, seu SIM definitivo. Uma resposta corajosa no seguimento a Jesus de Nazaré, consagrando sua liberdade, seu amor, sua vontade, todo seu ser a Ele no serviço aos irmãos.

 

Ir. Josefa, sua consagração definitiva é profética nestes tempos pós-modernos, da cultura do provisório que influencia nas escolhas de vida e na própria vocação à vida religiosa consagrada, em que a fidelidade é precária e o “para sempre, para toda a vida” é frágil, como nos diz o Papa Francisco.

 

Sua consagração definitiva está acontecendo num contexto de pandemia que atravessamos como humanidade, marcado por tribulações, crises e desafios. Diante dos novos clamores, Deus continua nos interpelando: “Quem enviarei?”.

 

O lema que Ir. Josefa escolheu para viver sua consagração, é a resposta dada pelo profeta Isaías: “Eis-me aqui, Senhor, envia-me”, que nos centraliza em Deus e nos descentraliza em direção aos irmãos e irmãs, no hoje da Igreja e da história.

 

Ir. Josefa responde: “Eis-me aqui”:

“Eis-me aqui”, em cada encontro amoroso diante do Senhor, aquele que nos formou e escolheu desde o ventre materno, que nos consagrou e nos acompanha com seu amor fiel em todos os momentos da vida. “Eis-me aqui”, com minhas fragilidades humanas, com meus dons e capacidades, meus sonhos... “Eis-me aqui”, com minha história, minhas experiências, idade e condições... “Eis-me aqui”, com meus medos, dúvidas, com meus sofrimentos e dificuldades... “Eis-me aqui”, como discípula para acolher a Palavra de Deus no cotidiano da vida que interpela, encoraja, converte e faz configurar toda nossa existência com a pessoa e o projeto de Jesus Cristo. “Eis-me aqui”, como entrega e acolhida à vontade do Senhor.

 

Ir. Josefa responde: “Envia-me”.

“Envia-me”... uma resposta livre e consciente ao chamado de Deus, na vida comum de todos os dias. “Envia-me”, estou disponível e pronta em servir sem reservas, em estar sempre em saída de mim mesma para o querido próximo, para dar a vida. “Envia-me” como missionária para proclamar o Evangelho, o Reino de Deus que é Vida em abundância, que é irmandade: Fratelli Tutti. “Envia-me” a ser testemunha de fé, de esperança e alegria. “Envia-me” como presença solidária nas periferias, junto aos pobres e no cuidado da Casa Comum.Envia-me”, a ser e construir pontes de unidade e reconciliação nas realidades fragmentadas, divididas. 

 

Ir. Josefa, com você, nossa irmã, renovamos o “Eis-me aqui, Senhor. Envia-me”. Desejamos que São José continue acompanhando sua história de mulher consagrada, Irmã de São José. v




Envie seu comentário

*Campos marcados com  barra são de preenchimento obrigatório.