Irmãs de São José de Chambéry do Brasil e Bolívia
Notícia
09/09/2019
Juventude CSJ do Rio Grande do Sul

O Juventude CSJ do Rio Grande do Sul conta com dois grupos de Base: um na cidade de Vacaria e outro na cidade de Lagoa Vermelha. Os Jovens participantes do Juventude CSJ alimentam a espiritualidade da comunhão, cultivam um coração cheio de esperança e de gratidão por estar respondendo ao Chamado de Deus no caminho da solidariedade.


Na formação, vivência e convivência, o jovem começa a experimentar a UNIDADE como projeto de vida, curte verdadeiras amizades, olha para um novo horizonte e abraça uma nova caminhada sob a luz da espiritualidade inaciana.  Eles descobre que, vivendo a unidade, fazem a diferença e  sente-se comprometido com o Carisma da Unidade. Acreditam na força da juventude e como jovens busca anunciar a Palavra de Jesus para um mundo melhor.

 

Nos dias 24 e 25 de agosto de 2019, os jovens do regional sul, estiveram reunidos para uma peregrinação que marca o segundo ano em preparação aos 10 anos do Fórum da Juventude. O encontro e peregrinação foi animado e assessorado pelas Irmãs de São José.

 

Na noite do dia 24, os jovens se encontraram na comunidade São José em Lagoa Vermelha para um momento de integração com apresentações, dinâmicas e combinações que norteariam a convivência nos próximos momentos.

 

Logo após o jantar, os jovens participaram de uma vigília, revisitaram momentos das caminhadas dos grupos nos últimos anos, bem como momentos significativos que mantém viva a vivência carismal de ambos os grupos. No dia seguinte, partiram rumo a Garibaldi, cidade histórica e marcante para as Irmãs de São José no sul do Brasil.

 

Em Garibaldi tiveram a oportunidade de conhecer o memorial, que conta toda a história da Congregação das Irmãs de São José, desde sua fundação até os tempos atuais. Viram objetos e vestimentas históricas, trazidas da França e feitas pelas Irmãs desde sua chegada no Brasil.

 

Na visita ao túmulo da Madre Justina Inês, puderam ouvir a linda história dessa Irmã, hoje venerada por tantos que tiveram graças alcançadas por meio de sua intercessão.

 

Ao fim da peregrinação, numa dinâmica de encerramento, usando uma caneca como símbolo, todos os membros presentes puderam expressar do que estavam plenos com a peregrinação e com o que preencheriam a caneca, como gratidão, fé, alegria e amizades.

 

A peregrinação foi uma bela experiência de ir ao encontro e deixar-se encontrar com a dinâmica do olhar e da escuta do coração. Um grande obrigado aos jovens, às Irmãs de São José, à coordenação nacional do JCSJ, às famílias e familiares que acompanharam e participaram da Peregrinação.









Galeria de imagens

(5 imagens)

Envie seu comentário

*Campos marcados com  barra são de preenchimento obrigatório.
topo voltar