Irmãs de São José de Chambéry do Brasil e Bolívia
Notícia
04/12/2018
Exercícios Espirituais

                                 Itu - 19 a 21 de outubro de 2018.


Tema: - Caminhando em direção à Luz.


Nós Leigas/os de São Paulo, Santos, Campinas, Indaiatuba e Itu, fizemos os Exercícios Espirituais, em Itu /SP, sob a proteção de Nossa Senhora do Patrocínio.
            Foi orientado por Ir. Teresa Cristina, com a colaboração das Irmãs: Beatriz Ferraz do Canto, Maria Isabel Muniz e Ir. Irene Miguel.

            Viemos preparadas/os com os textos bíblicos que nos foram enviados anteriormente a serem rezados na esperança de caminhar à Luz de Jesus e sermos por eles envolvidos/as, desejosos/as de sermos por eles envolvidos,

para no silêncio, e na escuta, respondemos à pergunta: - “Senhor, que queres de mim?

            Jesus disse: “Aquele que me segue, não andará nas trevas, mas terá a luz da vida”. Foi uma peregrinação em direção à luz, um processo de iluminação. Houve um clima de silêncio profundo; um respeito de todo o grupo para um encontro pessoal com Cristo. O silêncio nos leva à escuta e nesses Exercícios a escuta é essencial. Nos leva a captar a voz do Senhor, pois o silêncio é a linguagem de que ama; é o diálogo sem palavras e a medida necessária para amadurecer uma mensagem no coração.

            Jesus a Luz do mundo, disse: “Vocês são o sal da terra e a luz do mundo...”

            E nós pedimos a graça de sermos humildes como o sal. Sal que dá gosto, sabor,

conserva e preserva os alimentos e isto, sem aparecer. Precisamos ser assim como o sal, eficazes sem sermos notados. Ser aquele/a cristão/ã que dá o melhor de si, para os seus familiares, amigos, Igreja, comunidade, buscando dar sabor a estas vidas, conservando valores morais e éticos, preservando todas essas coisas.

            Ser também pequenos, humildes, como a palavra “sal”. Tem apenas três letras, mas

tão significativas. “Ser sal” nos leva a termos uma vida que glorifica a Deus  e leva os irmãos

  à fonte da salvação”. Quando a carne é salgada, ela não apodrece e inseto algum toca nela.

Nós cristãos, se formos sal na medida certa, o “ME” (mau espírito) não tocará em nós e seremos preservados dos males do mundo.

            Jesus disse: “Vós sois a luz do mundo” (Mt 5,13 - 14). Ele que é a Luz do mundo, tocou-nos no mais profundo de nosso ser, manifestou-se e falou ao nosso coração, à nossa mente e estimulou-nos a querermos desenvolver o nosso lado luminoso, para aquecer nossas relações, dar sentido, cor e sabor à existência pessoal e coletiva. Entendemos que a nossa luz vai se estender para a sociedade humana e poderá transformar as atitudes, os hábitos, os comportamentos, ideologias, política,  economia e as estruturas sociais.

            Percebemos que temos dimensões da nossa vida que ainda estão na penumbra, escondidas, resistentes à luz. Diante de Jesus, pudemos mostrar nossa ambiguidades, fraquezas, limitações e incoerências.

            O “fermento” (Mt 13, 33)  O Reino dos céus é comparado ao fermento. Uma pequena porção faz fermentar toda a massa.

            Quando sentimos que Deus é um Ser que se importa conosco, nós também nos importamos com Ele, tornamos nossa vida mais útil e por isso e por isso mesmo, ficamos bem mais felizes e também aqueles que nos rodeiam.

            Assim como nós somos diferentes, o fermento tem ação rápida e o levedo, ação mais demorada. Assim a “Palavra” pode fazer crescer imediatamente a massa humana ou demorar o seu efeito. O fermento na medida certa faz crescer o pão. Se formos prudentes, humildes e equilibrados/as poderemos ser para o próximo, uma força ou dinamismo que vai fazê-lo crescer espiritualmente. Na verdade, somo chamados/as a viver o amor.

            Nestes dias de silêncio e escuta, pudemos sentir o amor e o acolhimento de Jesus, Ele próprio nos tomou pela mão e nos toma cada dia conduzindo-nos para a Luz Maior.

Foram muitos os apelos sentidos e discernidos nestes dias: confiança, sabedoria, equilíbrio, fazer a diferença, jogar fora as capas nas quais nos escondemos, liberdade na medida certa, encontrar mais tempo para estar com Jesus, no silêncio,  ver nosso defeitos e não ficar apontando os dos outros, sentir e saborear internamente as coisas, livrar-se das dúvidas e angústias, ser sal e luz para os que estão abatidos, na escuridão e fragilizados, a fim de que se regeneram e restaurados possam se luz para próximo.

Pelas partilhas, o sentimento foi de termos recebido um presente precioso e que podemos sim - ser sal e luz para nós mesmos/as, para o nosso próximo e para o mundo, mesmo que seja uma pequena pitada de sal e nossa luz seja apenas como uma lamparina.

Todos vivendo em unidade e em comunhão. Conseguiremos dar sabor à vida, iluminar a escuridão e ser fermento...

Nossos agradecimentos ao nosso querido Fundador, Pe. Médaille, às Irmãs de São José dos cinco continentes por abrirem espaço para nós Leigos/as do Pequeno Projeto.

Agradecemos também Ir. Teresa Cristina Potrick, que preparou com carinho e orientou esses Exercícios para nos ajudar.

            A resposta de Jesus à nossa pergunta do início do retiro: “Que queres de mim”? Veio através de um apelo às  Missões da Congregação como diz o texto abaixo. Quer ser luz que ilumina e sal que dá sabor?

           

             Isaías, 58, 7- 10.

            “ Reparte o seu alimento com o faminto. Dá abrigo aos infelizes sem asilo. Veste os maltrapilhos, em lugar de desviar-se de seu semblante.

            Então, tua luz surgirá como a aurora, e tuas feridas não tardarão a cicatrizar-se; tua justiça caminhará diante de ti, e a glória do Senhor seguirá tua retaguarda. Então às tuas invocações o Senhor responderá, a teus gritos dirá: Eis-me aqui!

Se expulsares de tua casa toda a opressão, os gestos malévolos e as más conversações, se dás do teu pão ao faminto, se alimentares os pobres, tua luz levantar-se-á na escuridão e tua morte resplandecerá como o dia pleno”.

 

            Concluo, na esperança e fé de que conseguiremos, ser:  SAL, LUZ e FERMENTO,

nesta caminhada em direção à Luz!

         

                                                                                  Eli Gatti - LLPP de Itu/SP - Brasil









Galeria de imagens

(1 imagens)

Envie seu comentário

*Campos marcados com  barra são de preenchimento obrigatório.
topo voltar