Irmãs de São José de Chambéry do Brasil e Bolívia
Fale Conosco
Memorial Saudades
Gema Vian

 15/04/1937     19/09/2019



Congregação das Irmãs de São José de Chambéry no Brasil                                                                                                                                                      

  Núcleo São José                                                                 

                                                          Nome Civil: GEMA VIAN

                                                Nome Religioso: IRMÃ BERNARDINA DE MARIA


                                                                                               *Nascimento: 15.04.1937

                                                                                               +Falecimento: 19.09.2019

 

 

           Nossa vocação de Irmã de São José é vocação de Comunhão.”   (Const. 65).

 

Gema Vian nasceu em 15 de abril de 1937, em Ipiranga – Garibaldi/RS. Filha de Alexandre Vian e Adele Barili Vian. Seus irmãos e irmãs, em número de dez, completaram a alegria dos pais.  Em 1938, a família transferiu-se para Colorado/RS, então chamado de Boa Esperança, distrito de Carazinho.


De família profundamente cristã, foi levada à pia batismal no dia 19 de abril na Capela São Paulo, em Coronel Pilar.  Viveu 11 anos com os pais, irmãos e irmãs, em meio às famílias dos avós paternos e avó materna, tios, parentes e muitas famílias amigas. Acompanhada de muito amor e carinho passou sua infância e adolescência recebendo formação sólida dos valores cristãos. Diariamente, a família se reunia e passava um tempo em oração, com a reza do terço e de muitas outras devoções. 


            Com 18 anos de idade, Gema inicia a caminhada para a Vida Religiosa no Convento São José em Garibaldi/RS, e ali faz todas as etapas de formação, preparando-se para se tornar Irmã de São José. Neste ambiente, o chamado de Deus ia ficando cada vez mais claro e decisivo.  Inicia a etapa do postulado no dia 24 de fevereiro de 1955, no dia 18 de dezembro do mesmo ano, inicia o noviciado, fazendo sua primeira profissão religiosa no dia 17 de dezembro de 1957, e no dia 29 de janeiro de 1963, no Convento São José de Garibaldi, faz sua Consagração Definitiva na Congregação das Irmãs de São José para servir a Deus e aos irmãos.


           Depois do período de formação, foi enviada em missão na Escola Rainha da Paz - Lagoa Vermelha/RS. Lá doou sua vida com muita generosidade na educação, com grupos de jovens, adolescentes, Cruzada Eucarística, alfabetização de adultos, reuniões com grupos de famílias, organização e assentamento de 15 famílias na Terra da Fraternidade e organização das Capelinhas.


Após, sua missão foi em Caravelas, Alcobaça e Eunapólis - Bahia, por 15 anos, onde se dedicou como professora, formação de comunidades de base, cursos de alfabetização de adultos, celebrações nas comunidades, na formação de seminaristas e jovens vocacionados.


       O zelo missionário sempre tem sido forte apelo em sua vida. Parte para a Suécia em 1995 até 1999, onde é acolhida com um fax enviado pela Superiora Provincial com os dizeres: “Nada mais bonito do que o testemunho concreto da Congregação aterrissando em terras missionárias da Suécia”. Procurou dar atendimento aos exilados latino-americanos de língua espanhola, aos refugiados de guerra dos países da África: Congo-Zaire, Ruanda, Luanda, Moçambique, Angola, Afeganistão, grupos de exilados de colonização francesa, distribuição de alimentos para dependentes químicos crônicos e participação na formação de grupos de terapia para pessoas exiladas com depressão.


         Em sua missão, também dedicou boa parte da vida, como coordenadora de comunidades, Conselheira e Secretária Provincial na então Província de Lagoa Vermelha, RS.  Foi exemplo de dedicação, responsabilidade, alegria e unidade. Apesar das muitas solicitações, nunca deixava de ter seu tempo forte de oração e meditação. Amava ler e estar bem informada da vida das irmãs, sendo suas orações constantes para as pessoas doentes, vocações sacerdotais e religiosas, os pobres mais sofridos da sociedade.


Gostava de aprofundar e partilhar nossa espiritualidade de comunhão. Esteve em Roma ajudando na atualização de nossas Constituições juntamente com um grupo de Irmãs delegadas para isso.


         Na celebração dos seus 50 anos de Vida Religiosa Consagrada, Irmã Gema Vian coloca no lugar sagrado da memória, as lembranças da caminhada, para que tudo seja purificado, consagrado e oferecido à Trindade no altar da Eucaristia com Cristo, por Cristo e em Cristo para o louvor de sua glória.


         Tudo é graça de Deus! Encontrava sua força e iluminação na frase bíblica: “Procurai primeiro o Reino de Deus e sua justiça e tudo mais vos será acrescentado.” (Mt 6,36)


Por longo tempo conviveu com a doença, buscando com muita força de vontade ‘viver para servir’. Dedicava-se à leitura dos documentos da Igreja onde procurava iluminar suas reflexões e buscava orientações de vida. Tinha grande interesse em conhecer e entender toda a realidade social que nos cerca, fazia isso através de leituras, conversas, noticiários.


Irmã Gema Vian, junto a Deus, interceda pelas pessoas que foram amadas e ajudadas pela sua generosidade, testemunho de vida, de unidade e de comunhão durante os anos de vida passados entre nós, como Irmã de São José. Olha para os desejos e necessidades de seus parentes e amigos que também sentem sua partida. Que Deus Trindade, acolha esta filha e receba a recompensa de todo o bem realizado nos seus 82 anos de vida e 61 anos de Vida Religiosa Consagrada como Irmã de São José.


Ir. Gema, parte para o encontro definitivo com o Pai, no dia 19 de setembro e após missa de corpo presente realizada na Capela Funerária Sagrada Família, foi sepultada no Cemitério Municipal Santa Clara no jazigo das Irmãs de São José, em Vacaria, RS.


                                                                                                                                                              Vacaria/RS, 19 de setembro de 2019.