Irmãs de São José de Chambéry do Brasil e Bolívia
Notícia
03/06/2017
Só o amor é capaz de cuidar do outro até o fim

Estiveram reunidas na residência São Luiz dias 27 e 28 de maio de 2017, 37 irmãs e Irs Luiza Rodrigues e Elisa Zuanazzi.


Enfoque : Irmãs que cuidam da saúde. ”Cuidar das cuidadoras”

Tema abordado pela Ir Apolonia Sulenta do núcleo Caminho Novo.


Sintetizamos o  conteúdo com alguns parágrafos.

O envelhecimento é uma arte e começa no dia do nosso nascimento.

A vida é tão natural como a morte. A velhice é fase inevitável no ciclo da vital.

É um esforço resisti à passagem do tempo. É preciso aceitar cotidianamente no coração a velhice.


Um processo chave para acolher a velhice éter vivido plenamente todas as etapas, e é irreversível.


Não é verdade que o idoso perde a saúde, a independência e a alegria de viver.


Precisamos rever, juntas, nosso jeito de viver e de se relacionar.

Que possamos nos sentir vivas, livres e abertas para o futuro.

Saber envelhecer é uma obra prima. É a sabedoria do adulto.

É  uma das partes mais difíceis da arte de viver

“O cuidado é a precondição necessária para que algo possa existir e subsistir;

é a  disposição antecipada de toda prática e de toda ação”.( Lelup- Arte de cuidar)


A esperança nos faz olhar para o futuro com amor.


Só o amor é capaz de cuidar do outro até o fim.





Galeria de imagens

(7 imagens)

Envie seu comentário!!!
*Campos marcados com  barra são de preenchimento obrigatório.
topo voltar