Irmãs de São José de Chambéry do Brasil e Bolívia
A Congregação

Congregação das Irmãs de São José de Chambéry


Um pouco da História

A Congregação das Irmãs de São José remonta aos meados do século XVII, na cidade de Le Puy-en-Velay, França.


Havia muita ignorância religiosa; as famílias e aldeias viviam divididas pelo ódio e pela violência, os hospitais desorganizados e os asilos fechados entregavam à rua uma multidão de crianças, velhos, doentes, inválidos e famintos. Pobres invadiam povoados e grandes centros. Era uma situação calamitosa e devastadora, exigindo solução para tantos males, tanta miséria e fome.


Diante dessa realidade, pessoas corajosas, como São Francisco de Sales e São Vicente de Paulo tentaram dar respostas, motivando pessoas para o serviço da caridade. Em meio a toda essa realidade de sofrimento, surge um Jesuíta missionário, jovem, dinâmico que, guiado pelo Espírito de Deus, trouxe sua proposta: “O Pequeno Projeto”. Foi na contemplação dos mistérios da Eucaristia e da Encarnação do Verbo que Padre Jean Pierre Médaille recebeu a feliz inspiração.


A semente caiu em terra. boa. Padre Jean Pierre conseguiu reunir algumas das jovens e viúvas com as quais se encontrara em seu trabalho missionário. No convívio, perceberam terem as mesmas aspirações. Decidiram, então, apoiar-se mutuamente na realização de um novo projeto. Essas mulheres também haviam escutado o grito dos pobres da sociedade francesa da época.


O Projeto foi se solidificando e o grupo inicial, reunindo outros grupos, se transformou em comunidade religiosa de vida ativa-contemplativa, contrariando o tipo monástico de vida religiosa da época.


Com a multiplicação das Comunidades, tornou-se difícil ocultar por mais tempo o Pequeno Projeto, modelado na Eucaristia, que irrompera vigoroso e convidativo nas primeiras comunidades da zona rural de Le Puy.


Diante das dificuldades contrárias à sua obra, Padre Jean Pierre Médaille foi ter com Mosenhor Henrique de Maupas, Bispo de Le Puy-en-Velay, para expor-lhe o seu desejo: “fundar uma Congregação de vida contemplativa e ativa, para atender, no serviço da caridade, os mais pobres, unindo todas as pessoas entre si e com Deus”.

A 15 de outubro de 1650, numa cerimônia simples, nascia a Congregação das Irmãs de São José.

“Terá o nome de Congregação de São José, nome amável que lembrará às Irmãs que elas devem assistir e servir ao próximo com o mesmo cuidado, diligência e cordial caridade que tinha o glorioso São José a serviço da Santíssima Virgem, sua puríssima esposa, e do Salvador Jesus, seu Filho adotivo.”


(Constituições primitivas, n 27, página 24, versão em português)


topo voltar